Koka - Mineração de Bitcoin causa tensões no Arkansas
Mineração de Bitcoin causa tensões no Arkansas
05/02/20243 min
Acessibilidade
Compartilhar

Mineração de Bitcoin causa tensões no Arkansas

Em uma noite de julho escaldante, o barulho de milhares de computadores minerando bitcoins perfurava a noite. Nas proximidades, Matt Brown, membro da Assembleia Legislativa do Arkansas, monitorava o barulho ao lado de um magistrado local.

Enquanto os dois homens investigavam reclamações sobre a operação, Brown disse que um segurança da mina carregou cartuchos em um rifle de assalto estilo AR-15 que estava guardado em um carro.

"Ele queria ter certeza de que sabíamos que ele estava armado —que sabíamos que a arma estava carregada", disse Brown, um republicano, em uma entrevista.

A empresa de bitcoin, a 45 minutos ao norte de Little Rock, é um dos três locais no Arkansas de propriedade de uma rede de empresas envolvidas em disputas tensas com os moradores, que afirmam que o barulho gerado pelos computadores realizando trilhões de cálculos por segundo arruína vidas, diminui o valor dos imóveis e afasta a vida selvagem.

Dezenas de operações surgiram nos últimos anos nos Estados Unidos. Quando um computador de mineração encontra números que o algoritmo do bitcoin aceita, o pagamento atualmente vale cerca de US$ 250.000. Quanto mais computadores uma operação tem, maior a chance de receber o pagamento.

A indústria é frequentemente criticada por seu grande consumo de energia —muitas vezes um benefício para a indústria de combustíveis fósseis— e o barulho é uma reclamação comum. Embora alguns funcionários eleitos, como Brown, e outros operadores de bitcoin no Arkansas tenham manifestado apoio aos moradores aflitos, uma nova lei estadual deu às empresas uma vantagem significativa.

A Lei dos Centros de Dados do Arkansas, popularmente conhecida como lei do Direito de Minerar, oferece aos mineradores de bitcoin proteções legais contra comunidades que possam não querer suas operações em seus territórios. Essa lei tem gerado tensões entre os moradores e as empresas de mineração de bitcoin no estado.

Faça login para comentar
Faça um comentário:

Comentários:

0 Comentários postados

Entre em contato para assuntos comercias, clique aqui.

Veja também: