Koka - Empresa de criptomoedas se desculpa por servir sushi em corpos de modelos em evento
Empresa de criptomoedas se desculpa por servir sushi em corpos de modelos em evento
28/03/20243 min
Acessibilidade
Compartilhar

Empresa de criptomoedas se desculpa por servir sushi em corpos de modelos em evento

A empresa de criptomoedas, que tem como presidente do conselho administrativo o ex-chanceler do Reino Unido, Philip Hammond, pediu desculpas por um evento no qual os convidados foram servidos com sushi nos corpos de modelos. A Copper também informou que lançaria uma análise interna para investigar o ocorrido.

A empresa, especializada em corretagem de ativos digitais, considerou a reportagem sobre o encontro, realizado no início de março, como "embaraçosa". O evento foi organizado pelo grupo do Reino Unido em um hotel cinco estrelas no centro de Londres, onde duas pessoas aparentemente vestidas com trajes de banho deitaram-se em uma mesa com pratos de sushi em seus corpos, conforme revelado pelo Financial Times.

A Copper admitiu o erro, afirmando que "não acertamos nisso" e reconhecendo que certos aspectos do evento foram ofensivos e não condizem com os valores corporativos da empresa. Além disso, a empresa anunciou que realizará uma revisão interna de seus processos de aprovação de eventos e patrocínios.

O incidente levantou questionamentos sobre a cultura das criptomoedas, que busca se estabelecer como um setor respeitável após diversos escândalos, incluindo o colapso da FTX. Enquanto isso, o preço do bitcoin atinge máximas históricas acima de US$ 70 mil e executivos do setor comemoram o renovado otimismo em relação aos ativos digitais.

A Copper oferece serviços para que fundos de hedge, casas de negociação e outras instituições possam armazenar e negociar criptomoedas de maneira segura. Philip Hammond ingressou no conselho da Copper no ano passado, após a empresa concluir uma rodada de captação de recursos que avaliou a empresa em US$ 2 bilhões. Ele possui uma "pequena participação" no negócio, juntamente com investidores como Barclays, o bilionário britânico gestor de fundos de hedge Alan Howard e fundos de capital de risco.

Faça login para comentar
Faça um comentário:

Comentários:

0 Comentários postados

Entre em contato para assuntos comercias, clique aqui.

Veja também: